sábado, 24 de outubro de 2009

Vontades

Neste momento a vontade de fugir é tão grande...!
A vontade de pegar no carro e ir, simplesmente ir. Percorrer o país todo, o norte, só uma região, o que fosse. Só fugir daqui. Só ir-me embora. É o que eu pedia.
Ir pensar em tudo ou então não pensar em nada. Conhecer sítios novos, conhecer as terras do interior, isolar-me numa aldeia longe de todos, correr pelos montes fora, tomar banho num rio deserto, não ter horas para chegar ou sair. Ir e voltar daqui a dois dias... Bastava!
Sentar-me numa pedra enorme, fria, daquelas cheias de musgo que ninguém lhes toca há muito tempo... Deitar-me no meio da erva e sentir o sol a entrar-me no corpo. Levantar-me e ver estrelinhas no ar. Correr e continuar na paz ensurdecedora daquele sítio. Deitar-me sem pensar em nada e acordar ainda mais vazia de pensamentos.
Sentir tudo, só sentir.
Viver, aprender a viver, sorrir para a vida, correr de braços abertos para a felicidade, aprender a confiar mais, não ter medo, só ir, correr livremente e alcançar, lutar pelos objectivos, arriscar mais e não deixar fugir as oportunidades por medo!
Estas são as minhas vontades e as de muita gente... Lutem pelas vossas vidas, cada dia como se fosse o último! Aproveitem!

Recomeça!

Se puderes
Sem angústia
E sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.

E, nunca saciado,
Vai colhendo ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar e vendo
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde, com lucidez, te reconheças…

Miguel Torga

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Já tinha saudades*

Hoje acordei e, apesar de uma enorme dor de garganta, senti-me a pessoa mais feliz do mundo!
Acho, mas acho mesmo, que voltei a encontrar-me. A noite não podia ter sido melhor.
Sabem há quanto tempo não me divertia tanto? Mais ou menos há 2 anos. Ah pois é!
A vida tem destas coisas. Nem sempre tudo corre bem, e às vezes nada corre bem, mas hoje tudo corre bem! O que me chateia mesmo é a minha mami a dar o sermão habitual por estar constipada... Enfim!
Ontem houve muita muita dança, muita maluqueira, muita animação, muitas gargalhadas, muitos mimos, muitos conhecimentos, muita amizade. Obrigada à menina e aos meninos que me proporcionaram uma noite tão boa :D
Para a semana há mais!
Até lá vou agarrar-me aos estudinhos que bem preciso... Ai ai!