segunda-feira, 31 de maio de 2010

Quero

que me chames Andreia como me chamas de menina.
Quero que me ames, quero que sintas por mim o que diz uma certa música.
Quero fazer, ainda mais, parte da tua vida.
Quero ter certezas de que não sou só mais uma.
Quero que digas sempre: "és a minha menina" e que olhes para mim sempre da forma que hoje me olhas green eyes...!

Sem comentários: